Não se pode negar que as empresas não podem abrir mão de ter pelo menos uma solução de Backup ativa em sua rotina de processos de armazenamento, não é mesmo? Pois, não ter, significa correr vários riscos, entre eles perder informações valiosas para o pleno funcionamento do negócio.

E por falar em Backup, atualmente, tem-se opções como Local, em Nuvem e o Híbrido. A seguir, entenda melhor sobre cada tipo e veja qual o papel que desempenham dentro da empresa.

Backup Local

Também conhecido como tradicional ou físico, é um dos jeitos mais antigos de se fazer backup. Refere-se ao armazenamento diretamente dentro da empresa, offline digamos, uma vez que não depende da velocidade de conexão com a Internet para fazer upload de arquivos, por exemplo.

backcup local

Para isso, usam-se hardwares de disco rígido que juntamente a softwares fazem cópias dos dados. Exemplos de hardwares: fitas magnéticas, CDs, DVDs, HDs Externos e até mesmo pen drives (quando se trata de negócios de menor porte).

dispositivos para backup

Outro detalhe, é que os responsáveis pela TI podem guardar esses dispositivos em locais seguros. Entretanto, esse ponto torna essa modalidade de armazenamento vulnerável, já que além destes dispositivos serem sensíveis a danos físicos, são passíveis de ataques hackers. Sem contar que, há necessidade de manutenção própria de servidores e data centers, quando os dados são armazenados nessas estruturas físicas pela própria empresa. E precisam de uma equipe de suporte de TI por conta para fazer a gestão de backups, o que pode tornar caro o custo de utilização desta modalidade isolada.

Backup em Nuvem

backup em nuvem

Denominado também como Cloud Backup, é o modelo de armazenamento de dados mais utilizado da atualidade. Seguro, pois as informações ali contidas ficam criptografas e apenas pessoas autorizadas conseguem acessar. Outro ponto, é que a capacidade de armazenagem é flexível, vai variar conforme a demanda de quem precisa, já que não depende de espaço físico.

Quanto à equipe de TI, não precisa se preocupar! Atualização, manutenção e proteção da infraestrutura operacional é por conta da empresa fornecedora do backup. Você terá que se atentar apenas com a implantação dos recursos dentro do seu negócio.

O mesmo acontece em relação ao investimento financeiro, você só pagará pelo que utilizar, ou seja, de acordo com o espaço que você for usufruir (em MB, GB ou TB).  A restauração das informações pode ser feita a qualquer instante e claro, vai depender da frequência pela qual você optou por realizar os backups que podem ser automáticos, sendo diários, semanais, mensais, você escolhe.

Backup Híbrido

Já o Backup Híbrido refere-se à uma solução onde os dados ficam disponíveis em mais de um local. Isto é, as cópias das informações ficam armazenadas em data center (ou em servidores físicos) e se encontram também armazenados na Nuvem. Ou seja, é feito o backup concomitantemente físico e virtual. Pense em uma solução de restauração de dados que atua em redundância, sendo a união do offline com o backup em nuvem.

Sendo assim, quando um dos modos de backup falhar (seja de forma temporária ou permanente), a outra continuará rodando. O que garante a segurança da informação para a sua empresa, já que nada será perdido, e o seu negócio não vai parar de funcionar. Outra vantagem é que a migração de dados de um tipo de backup para o outro é realizada de maneira contínua e automática.

Por que ter o Backup em Nuvem é mais seguro que ter o Backup Físico?

Apesar de termos citado a vulnerabilidade do backup físico, por seus dispositivos físicos serem sensíveis e poderem sofrer ações de hackers e desastres, faltou fazermos um comparativo perante o armazenamento na nuvem. Visto isso, quando falamos em segurança, existem diferentes ferramentas e aplicabilidades que comprovam a eficiência do Cloud Backup, como por exemplo:

  • Facilidade de monitorar, acessar e modificar;
  • Proteção extra, exemplo, o firewall;
  • Caso haja desastres, possibilidade de rápida recuperação da informação, graças à redundância de armazenamento;
  • Terceirização, pessoal especializado no assunto e economia com infraestrutura.

Vale ressaltar que ao se contratar um serviço de Backup em Nuvem, a responsabilidade pela segurança do servidor é da contratada. Ou seja, você economiza com a infraestrutura, com mão-de-obra especializada dentro da sua empresa, manutenção, atualização e o mais importante, você garante a proteção dos dados dos seus clientes. Ou seja, você pode voltar seus esforços para aquilo que realmente importa para o seu negócio, já que terá alguém responsável cuidando dos seus dados na Nuvem.

Segurança da informação e restauração de dados

Independentemente do tamanho e ramo de atuação da sua empresa, pelo que você já viu até aqui, não dá para abrir mão de ter uma solução de Backup de dados, não é mesmo?

sim

Afinal de contas, armazenar cópias de dados, além de maximizar a segurança, garante a continuidade, disponibilidade e resgate das informações, ainda mais caso ocorra imprevistos ou desastres. Por isso, que tal contar a ajuda de especialista em Backup em Nuvem? Fale agora conosco para escolher o serviço e Backup ideal para a sua empresa.



autora maria